Mineiro Delivery

Na foto: Paulino CEO Mineiro Franchising, Diretores Marlon e Gabriel.

Da vontade de comer comida caseira a uma rede de comida no box!

Quem trabalha fora de casa entende a dificuldade que é preparar uma boa refeição para almoçar no trabalho, mais difícil ainda é conseguir pedir uma comida fresquinha e com aquele sabor caseiro.

Era o que acontecia com os irmãos Gabriel e Marlon Ventura, que eram bancários e no almoço sempre pediam marmitex por conta da correria. Em seu cotidiano eles sempre se frustravam quando recebiam os seus pedidos, pois toda vez tinha algo que não agradava: o gosto, o odor, a embalagem, ou ainda o talher que nuca dá conta de cortar os alimentos.

Diante dessa situação, eles deixavam de lado o amor pela comida caseira e optavam por escolher um restaurante chinês. Já que era a única forma de receber uma comida saborosa e fresca. Além disso, a embalagem em caixinhas era bem mais práticas.

Refletindo sobre o quanto essa situação afetava não só eles, mas também outras pessoas. Os irmãos tiveram a ideia de empreender e oferecer a comida caseira no box, igual ao delivery chinês. Então começaram os testes com a caixinha, para ter certeza de que a embalagem seria atraente ao público e principalmente funcional. Na mesma semana, eles fizeram diversas receitas.

E seguindo seu amor pela culinária mineira prepararam tudo com aquele “jeitim de Minas”, adequando as receitas ao box para manter a qualidade do sabor, a temperatura e também fazer com que a embalagem chegasse intacta ao cliente durante a entrega.

Deu muito certo, surgindo à primeira unidade do Mineiro Delivery em São José do Rio Preto. Fazendo sucesso com sua comida caseira no box, os irmãos Ventura conheceram Dhionatan Paulino, experiente no ramo do Franchising, mineiro de Frutal e que sempre defendeu que a comida de Minas é a “mió do Brasil”.

Com essa parceria firmada, surge a ideia de formatação da marca para franqueá-la, e para alcançar esse objetivo eles começam uma pesquisa com conhecidos e amigos de diversas regiões do país. O resultado não podia ser diferente, todos concordaram que a culinária mineira é a melhor. Além disso, o sistema delivery, muito requisitado em tempos de crise por oferecer praticidade e economia juntando com a proposta inovadora de servir comida caseira no box era um empreendimento “bom dimais da conta”.

Os irmãos investiram R$60 mil reais em um espaço para o preparo das refeições e o manuseio das entregas. Montaram um cardápio com 16 pratos diferentes, tornando-os disponíveis todos os dias, além de três tipos de saladas. Nas opções estavam a galinhada, feijoada, o virado e também costelinha. Hoje nosso cardápio conta com muitas outras opções, clique aqui e confira.

Em 2015, a unidade piloto do Mineiro Delivery atingiu a marca de 220 boxes dia e o faturamento de R$70 mil por mês. Após um ano, já contavam com mais de 30 unidades em todo o país. Em quatro meses, a rede Mineiro Delivery registou um faturamento de mais de R$ 1 milhão.

Sem dúvida, o descontentamento dos dois irmãos em conseguir comer comida caseira “do jeitim bem mineirim” tornou-se uma galinha dos ovos de ouro. Hoje a Mineiro Delivery tem mais de 100 unidades em todo o país, e o nosso objetivo é de se tornar a maior rede de comida caseira no box do Brasil.

Atualmente, a Mineiro ainda ganhou uma nova marca, a Mineiro Massas. Focada em macarrão no box, esse braço da Mineiro foi criado para trazer maior rentabilidade aos franqueados com uma operação fácil, otimizada e com resultados assertivos.


Leia outros Artigos